Carregando...
Blog

Balanço de 2015

Adoro escrever esse balanço! Porque depois eu releio e, como uma boa nostálgica, adoro reler coisas. Vamos lá!
  • Trabalhei só no Estado em horários perfeitos. Foi tipo o céu esse ano no trabalho. 
  • Dormi mal. Não dormi nenhuma noite por mais de 3 horas seguidas. Artur mamou muito à noite no alto dos seus 2 anos. 
  • Passei muitas horas na cozinha. Cortei quase todos os industrializados da casa. Quase. Não dá pra cortar tudo. 
  • O blog se tornou praticamente um livro de receitas! A maioria dos posts era de receita. 
  • Postei pouco no blog, mas a página ficou bem ativa. Termino o ano com 13.426 seguidores. Gente à beça. 
  • Não li quase nada de livro. Todos ficaram bem parados. 
  • Artur ficou um espoletinha, fofo e gostoso. Falando tudo, fazendo mil gracinhas.
  • Caio passou mais tempo no computador do que eu gostaria. Tá enorme. Calçando 39! Mais que eu, que calço 36. 
  • Minha mãe fez 60 anos. Teve festa linda de boteco pra ela com direito a troca de roupa na hora do parabéns. Tô pra ver pessoa mais animada que minha mãe. 
  • Fui ao show do Pearl Jam mais uma vez! Que delícia. Quero ir mil vezes. Todas as vezes que eles vierem pro Brasil.
  • A loja decolou! Fiz muitos chás de fralda, vendi muitos brinquedos de madeira, atendi muita gente bacana. Tô amando cada vez mais esse negócio de vender o que amo.
  • Eu e Artur fomos frequentadores assíduos do parquinho. Quase todo dia de manhã. Sol, amigos, ar livre. 
  • Pensei muito no mestrado que deixei pra trás. Acho que ainda não curei essa ferida. Não, não é simples passar por todo o processo seletivo de novo com criança pequena.
  • 2015 foi um ano bom: tranquilo, estável, repleto de tempo com os filhos. Não tenho do que reclamar, não. 

Comentários

comments

One comment
  1. Beth Salvia

    Amoooo fazer retrospectiva também, adooorei a sua. Qdo eu estava preparada para ir à França fazer doutorado, com direito à bolsa… passagem comprada, fiz o ultimo exame exigido, resultado : eu estava gravida de gemeos, quase morri, pq nao era mais meu projeto de vida ter filho, por um problema genetico. Mas mudaram meus planos, foi maravilhoso e quando eles (casal) entraram na universidade, voltei pro meu doutorado com 48 anos. acho que por isso me identifiquei com sua historia, vamos postar mais nos blogs? Vou conhecer sua lojinha, bjs

Leave a Reply

Favoritos da Dany
Por favor, aguarde!

Cadastre o seu email e receba as nossas atualizações!

Digite seu nome e email e receba nossas atualizações assim que eles forem postados. Seja sempre o primeiro a saber das novidades!
%d bloggers like this: